Cidade

Estamos a noroeste do estado de São Paulo, na divisa com o Mato Grosso do Sul. Nosso município surgiu a partir da construção da Usina Hidrelétrica de Ilha Solteira.

Parte dos trabalhadores que a construíram decidiu aqui ficar, formando assim a nossa cidade.

Apesar do nome, a cidade não está em uma ilha. Perto do local onde foi construída a usina, havia uma ilhota solitária, que serviu de inspiração para dar nome tanto à hidrelétrica quanto à cidade.

Lugar de belas praias fluviais, a Ilha Solteira ocupa o ranking da 10ª melhor cidade do estado de São Paulo para se viver segundo a ONU.

Amarelos, brancos, rosas: na época da florada, os ipês colorem as ruas e enfeitam a longa ciclovia que atravessa a cidade.

Conheça Ilha Solteira de um jeito diferente: pedalando. No fim da tarde, araras coloridas cruzam o céu em bandos e dividem espaço com o pôr do sol mais bonito que você já viu.

Durante a construção da Usina Hidrelétrica de Ilha Solteira, um grande laboratório de engenharia foi criado para desenvolver as mais modernas técnicas de construção de usinas hidrelétricas. Visite a usina e saiba mais sobre essas técnicas.

O pioneirismo na engenharia se mantêm: pesquisas relacionadas à engenharia e à energia solar realizadas pela UNESP campus Ilha Solteira se destacam no cenário acadêmico nacional.

O Centro de Conservação da Fauna Silvestre, mais conhecido como Zoológico, reúne espécies silvestres importantes e possibilita que pesquisadores das mais diferentes áreas realizem pesquisas no local.

Os rios Paraná, Tietê e Dourados cortam o município e se unem em um imenso reservatório de águas calmas e repleto de peixes nobres, fazendo de Ilha Solteira um paraíso para a pesca esportiva e para os esportes aquáticos, como o caiaque.

Os rios formam ainda belas praias que são um convite ao lazer e ao descanso. Em Ilha Solteira, hospede-se no Hotel Villa dos Pássaros.

Fonte: visiteilhasolteira.sp.gov.br

Scroll UpScroll Up